Organizado pela Clínica Pública de Psicanálise, a Conversa Ampliada abordou práticas atuais e históricas da psicanálise na vida social, pública e popular com um sentido comunitário. A proposta foi de pensar coletivamente sobre a contribuição que podemos oferecer no momento atual, que aponta para a redução dos espaços públicos, dos direitos sociais e das possibilidades de pensamento crítico sobre nosso estado de coisas sociais e subjetivas.

O que podemos fazer – o que estamos fazendo e o que já foi feito – através da psicanálise, no sentido da ampliação do uso público da cidade, e como essas práticas na cidade influenciam a psicanálise? A forma dessas conversas foi semelhante aquilo que fazemos aos sábados nos plantões abertos; foram três horas de conversas em roda, cada uma instigada por uma experiência, com um almoço coletivo e intervalos entre elas. Aconteceu dia 26/11/16. Fotos Camila Picolo.